Visitas ao Baú,parte VII: As fases ou faces da Lua

nem só de lua II

Image

 

 

E eis que cheguei ao meu reino predilecto…a Lua!

Regente do quarto signo do zodíaco, Caranguejo, a Lua reina sobre a maternidade , as emoções, tudo o que signifique  colo e alimento. Mas também aquilo que por vezes desconhecemos sobre nós próprios e sobre as nossas necessidades emocionais.

Na mitologia aparece sob o nome de Selene, é irmã, parceira e companheira  de Helios.

 Raiz constante de todas as deusas, Ísis, Maria, nela vemos as várias fases ou faces do feminino, dela encontramos partes em todas as Deusas.

Por agora, vou falar-vos da bela estória de amor de Selene com Endímion .

 Tem todos aqueles ingredientes a que já nos habituamos.

Deuses e mortais , todos igualmente vitimas da seta  malandra do Cupido, ultrapassando limites e fronteiras de todo o tipo. Mas afinal, quem é que alguma vez ouviu de uma paixão equilibrada, social e culturalmente conveniente??  Se as…

View original post mais 517 palavras

Anúncios

Visitas ao Baú ,parte V- Mercuriando

nem só de lua II

Em tempo de Mercúrio em movimento retrógado, estas viagens ao baú para republicar estas crónicas inicialmente publicadas no Sapo Mulher, têm sido surpreendentemente agradáveis para mim. Estes textos tiveram um parto quase forçado e escrever ainda não é algo que me aconteça com facilidade, mas reler estas palavras trouxe-me vontade para me contrariar e sair da tal da zona de conforto para voltar à escrita.

Imagem

O Deus da Comunicação nasceu cheio de recursos e parece que ainda mal tinha acabado de nascer e começou logo a fazer disparates e deu sumiço numas ovelhas que Apolo guardava, voltando matreiro para o berço.

Claro que ninguém acreditou quando Apolo tentou acusá-lo. Perante Júpiter, Mercúrio arranjou maneira de não mentir, mas também de não dizer a verdade. Daí vem aquela coisa de ele ser o patrono dos ladrões e mentirosos. E ainda aproveitou por encantar os deuses com a sua lira e Apolo, deliciado…

View original post mais 266 palavras

Visitas ao Báu-III :No reino de Hades, cumpram as regras…

nem só de lua II

Assim chegamos pois ao reino de Escorpião, onde Plutão é dono e senhor. 

 

 

Imagem

E desenganem-se se acham que ele se rala com as questões astronómicas que o despromoveram a planetóide, porque este senhor tem o poder imenso que vem do que não se vê. Acham que é preciso ser grande para ter muito poder? Vejam Napoleão, ou a energia atómica…

Como vem sendo habitual, vamos lá ver um pouco da biografia mitológica de Plutão, para melhor podermos perceber melhor o seu significado astrológico. 

Dizem as crónicas que é o filho mais novo de Saturno, e vou evitar fazer considerações sobre esta circunstância e sobre o poder dos filhos mais novos, e irmão de Júpiter e Neptuno. 

Quando Júpiter destituiu o pai da função de governar Olimpo, os irmãos decidiram fazer a partilha dividindo entre si os reinos. Para Júpiter ficou o céu, a Neptuno os mares e para…

View original post mais 538 palavras

Visitas ao Baú: parte VIII- Saturno, ou o Senhor do relógio…

nem só de lua II

Image

Duas coisas seriam de esperar de uma crónica relativa a Saturno, o senhor do Tempo:

A primeira é que fosse bem estruturada e organizada e que antes de ser publicada fosse sujeita a várias revisões até que chegasse perto da perfeição técnica. Ora, excluindo a última parte, a da perfeição, o restante foi devidamente observado e realizado.

A segunda, seria que tivesse um tom oficial e protocolar, excluísse adjectivos ou qualquer outro enfeite desnecessário de forma a ficar parecida com um relatório instituticional. E quanto a esta… bem… como iniciar oficial e protocolarmente uma crónica que tem início com o herói da estória a mutilar o pai? E como se não bastasse, cometeu este acto munido de uma foice que lhe foi dada pela própria mãe. Acham possível? Eu não fui capaz…

E o que me fez sorrir e abandonar o devido tom sério e carrancudo que tanto agradaria a…

View original post mais 599 palavras

Visitas ao Báu IV- Neptuno,o Senhor do Mar e regente do décimo segundo signo, Peixes

nem só de lua II

Imagem

É fácil perdermo-nos em Neptuno… Por isso, o melhor,  é mesmo começar pelo início, contando sobre o seu nascimento.

Talvez ainda se lembrem que Saturno, o pai de Neptuno, tomado pelo medo de ser destronado, devorava os seus filhos. E que Reia, que já estava mesmo cansada de perder os seus rebentos, engendrou uma forma, assim como tinha feito com Júpiter e com Plutão, de esconder Neptuno da fúria devoradora de seu pai entregando-o a uns pastores para que fosse criado longe de perigos.

Quando o temor de Saturno se concretizou e os seus próprios filhos, por razões que ele próprio alimentou com o seu medo de perder o poder, o expulsaram do trono Olímpico, coube a Neptuno, como recompensa pela participação revoltosa, o reino das águas e assim chegou ao cargo de Senhor dos Oceanos.

Como símbolo do seu poder, usa o tridente com o qual abala a terra…

View original post mais 593 palavras

Visitas ao Baú:parte IX- Úrano, rei do Olimpo e Regente da Astrologia

nem só de lua II

Úrano, rei do Olimpo e Regente da Astrologia

Image

Podem começar a quebrar todas as normas e regras que aprenderam com Saturno  na estória anterior, porque estamos prestes a entrar no reino de Úrano-

Romper as barreiras dos preconceitos, aceitar a diferença individual em função do colectivo, renovar normas estabelecidas. É disto que o planeta regente do signo de Aquário, gosta e foi esta uma das prendas que trouxe à Humanidade.

Mal se começa a estória logo  nos  deparamos  com um dado  interessante e significativo para a simbologia astrológica deste planeta. E pensando nisso,sorrio enquanto imagino a cara do funcionário da Conservatória lá do Olimpo, a pensar como haveria de explicar às chefias que este novo Deus não tinha progenitores conhecidos ou, melhor dizendo nem mesmo desconhecidos…como haveria ele de preencher a certidão de nascimento? Decidiu-se então que este recém- chegado não haveria de ter nem pai nem mãe.

Bem, o…

View original post mais 468 palavras

Visitas ao Baú-parte II :Vamos falar de Vénus

nem só de lua II

Com o Sol em Balança, é boa altura para republicar este texto

Vamos agora adoçar o tom, e hoje fala-se de Vénus, deusa do amor e regente do segundo signo do Zodíaco, Touro e do sétimo, Balança.

Imagem

Como é costume nestas coisas de deusas e deuses, existem várias versões sobre o seu nascimento. Nasceu já adulta, e diz-se que é filha de Úrano, fruto do sémen que se espalhou pelo mar quando Saturno, que também era filho de úrano, o castrou.

Coisa muito complicada esta relação pai e filho, e que será fruto de análise noutra crónica. Relevante astrologicamente será o facto de Saturno e Vénus serem irmãos por parte do pai…

E como também, e é melhor que se vão habituando a isto, no essencial, a estória dela é a mesma de Afrodite, deusa grega , nomes diferentes, identidades próximas. É que a globalização não é coisa exclusiva dos…

View original post mais 344 palavras